O que é plataforma e-commerce open source?

Compartilhe conhecimento

Rate this post

O termo “open-source” ou “código aberto” refere-se a algo que as pessoas podem modificar e compartilhar porque seu código de fonte é liberado para edição.

Mas, o que é uma plataforma de e-commerce open source?

A plataforma de e-commerce open-source ou de código aberto é um software com código-fonte que qualquer pessoa pode inspecionar, modificar, aprimorar e editar de forma completa, sem nenhuma restrição.

O que é código de fonte?

“Código-fonte” é a parte do software que a maioria dos usuários de computador nunca vê; é o código que os programadores de computador podem manipular para mudar como um software – um “programa” ou “aplicativo” – funciona. Os programadores que têm acesso ao código-fonte de um programa de computador podem melhorar esse programa adicionando recursos a ele ou consertando partes que nem sempre funcionam corretamente.

Principal vantagem das plataformas open-source

Com várias ferramentas disponíveis, essas plataformas se diferenciam em alguns pontos sendo a escolha certa para o seu negócio e necessidade. É um passo determinante para ter sucesso e conseguir por em prática um espaço virtual atrativo, dinâmico e eficiente.

Entre as vantagens da escolha por uma opção open source destaca-se a gratuidade da plataforma, além da mobilidade de transformar sua loja conforme você queira. Ainda assim, ter um auxílio profissional é sempre interessante para melhores resultados.

3 Exemplos de plataforma e-commerce open source

Veja a seguir quais são as mais conhecidas plataformas de e-commerce open source antes de escolher como e onde criar a sua loja virtual:

Comparativo plataformas magento, opencart, woocommerce, prestashop

1. OpenCart

Completa e bastante simples para os iniciantes, a plataforma de e-commerce open source OpenCart tem inúmeras funcionalidades e grandes vantagens quando comparada com as demais, especialmente nos casos em que é necessário fazer uma completa criação sem todos os conhecimentos básicos e prévios.

Essa plataforma é repleta de recursos e, ainda assim, preza pela simplicidade de sua interface.

Em resumo, a plataforma OpenCart é eficiente e uma excelente opção quando se avalia a relação custo x benefício para quem quer criar sozinho o seu e-commerce completo.

2. PretaShop

Talvez a plataforma menos conhecida entre as três mencionadas aqui, a PretaShop possui um diferencial referente ao seu sistema de gerenciamento de conteúdo. Uma de suas maiores vantagens, inclusive, é que a plataforma tem ferramentas específicas para o marketing, com isso é mais fácil engajar os clientes, além de melhorar os números de fãs do e-commerce.

Sendo considerada também como uma das principais do mercado, a plataforma de e-commerce open source PretaShop é bastante confiável e tem inúmeras vantagens, tais como a possibilidade de aumentar o número total de vendas do negócio. É uma opção para considerar.

3. Magento

Uma das mais completas plataformas de e-commerce open source e também uma das mais conhecidas neste mercado é a Magento. Ao todo, estima-se que existam atualmente mais de 300 mil lojas virtuais nessa plataforma, o que a torna a mais utilizada dentro de seu ramo.

São muitas as funcionalidades da Magento e algumas das características desta plataforma são bem populares. É válido destacar que é possível criar uma loja incrível através de um passo a passo. E, quanto mais você souber sobre design e criação, melhor para arrasar!

A Magento é uma das mais completas plataformas para e-commerce. Portanto, vale a pena conhecer mais a fundo esse recurso antes de tomar qualquer decisão sobre qual plataforma de e-commerce open source usar.

3. WordPress e Woocommerce

A plataforma mais utilizada no mundo.

Como escolher uma plataforma?

Escolher a plataforma de e-commerce open source certa para o seu negócio é um passo de fundamental importância para ter sucesso no meio virtual. Você está pronto para fazer essa escolha? Aproveite para assinar nossas newsletters e fique por dentro de outras publicações com conteúdo que abordam o tema.


Compartilhe conhecimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *